domingo, 8 de janeiro de 2017

Rebelião deixa mortos na Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa

Manaus - Uma rebelião, iniciada na madrugada deste domingo (8),  deixou mortos na Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus. O secretário de Administração Penitenciária (Seap), Pedro Florêncio, informou que houve quatro mortos, destes, três foram decapitados.
O Instituto Médico Legal (IML) também confirmou o número de quatro corpos retirados do local.
Foram acionadas para Vidal Pessoa equipes da Companhia de Operações Especiais (COE), Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), Batalhão de Choque, FERA e bombeiros.

No local, há mais de 280 presos transferidos após o massacre que deixou 56 mortos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e quatro mortos na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP). A medida foi tomada para isolar membros da facção Primeiro Comando da Capital (PCC) dos membros da Família do Norte (FDN), para evitar mais confrontos nos presídios da capital.