sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Malafaia é alvo da PF em operação contra fraude em cobrança de royalties

A Polícia Federal realiza nesta manhã de sexta a Operação Timóteo para capturar pessoas envolvidas em corrupção em cobranças judiciais de royalties.

O pastor Silas Malafaia é alvo de condução coercitiva, acusado de emprestar contas bancárias para uso da quadrilha.

Provavelmente porque Malafaia pegava o dinheiro da corrupção da quadrilha, lavava e passava boa parte para sua conta... Mas isso ele vai explicar lá.


Só espero que a PF não tenha usado abusivamente a prisão coercitiva contra o pastor. Embora ele pregue o ódio, julgue e condene pessoas apenas por não rezarem de acordo com suas crenças, a lei é para todos e deve ser respeitada - o que nem sempre (ou quase nunca) tem acontecido no Brasil.