sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Governo do Estado entrega cestas básicas e panetones para crianças e adolescentes em situação de risco em Manaus

A manhã desta quinta-feira, 22 de dezembro, foi de solidariedade para quase 300 jovens em situação de risco na capital. Por meio de ação do Fundo de Promoção Social (FPS), o Governo do Amazonas realizou a doação de 500 panetones para crianças e adolescentes de nove instituições sociais de Manaus. Além disso, foram doadas 40 cestas básicas aos internos do Centro Socioeducativo Dagmar Feitosa e seus familiares.

 “Temos nestas instituições, que cuidam e abrigam jovens em situação de vulnerabilidade, um trabalho ímpar, que deve ser encorajado e apoiado por toda a sociedade. O governador José Melo é extremamente atento a isso e, por essa razão, o Estado não tem economizado esforços para garantir assistência social a todas as pessoas do Amazonas”, disse a presidente de honra do FPS, primeira dama do Amazonas, Edilene Gomes de Oliveira. 

As instituições beneficiadas foram os abrigos Moacyr Alves, Pequeno nazareno, O Coração do Pai, Aldeia SOS Infantil, Associação de Apoio à Criança com HIV (Casa Vhida), Casa Mamãe Margarida, Monte Salém, Janell Doyle e Núcleo de Assistência à Criança e à Família em Situação de Risco.

“Nós temos um grande apoio do Estado o ano inteiro e só temos a comemorar com essa parceria, principalmente graças ao apoio dado pela primeira dama que, mais uma vez, mostra que sempre lembra de todos e nos enviou esta lembrança de Natal. Com certeza as crianças estão muito felizes”, disse a diretora do Abrigo Moacyr Alves, Claudete Ciarlini.


Com 50 crianças atendidas na unidade, o abrigo O Coração do Pai esteve em festa nesta manhã, que ficou ainda melhor com a chegada dos panetones. “Para muitos isso pode parecer um gesto simples e pouco válido, mas para nós e para as crianças é muito importante saber que não estamos sozinhos e que há pessoas preocupadas em nos ajudar. Isso não é apenas uma entrega de doces e sim é a representação do carinho que o governo tem por nós”, ressaltou a diretora da instituição Vânia Hall.