terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Chuva causa pontos de alagamentos em Manaus

A forte chuva, que atinge Manaus e a Zona
Metropolitana desde a madrugada desta terça-feira (27), causou alagamentos,
acidente de trânsito, queda de árvores e semáforos apagados. Até a 10h20, a
Defesa Civil do município ainda não havia registrado nenhuma ocorrência
oficial.






No bairro Cidade de Deus, na Zona Norte, as casas
situadas na rua Tapiti ficaram todas alagadas. A dona de casa, Enedina Silva,
36, relatou que a casa onde mora fica alagada toda vez que chove.
“Sempre alaga a minha e as outras casas dessa rua.
O pior é o odor da água que é muito forte. Tenho um neto de apenas com 1 mês e
ele tem de ficar sentindo esse odor horrível. Há 8 anos passo por essa
situação. Já pedimos ajuda para fazerem uma drenagem nesse igarapé, mas só
fazem a limpeza. Porém, toda vez que chove acontece a mesma coisa. Não podemos
comprar nada novo, porque toda vez que chove alaga tudo”, disse a dona de casa.
Também na Zona Norte, na rua 3, quadra 4, bairro
Francisca Mendes foi registrado outro alagamento.
O Instituto Municipal de Engenharia de Fiscalização
de Trânsito (Manaustrans) registrou, nas primeiras horas do dia, apenas um
acidente. Por volta das 8h58, uma pessoa, que não teve o nome divulgado, ficou
levemente ferida após colidir a motocicleta, que estava conduzindo, com um
carro. O acidente ocorreu na avenida Constantino Nery, nas proximidades do
Terminal de Integração 1 (T1).
O semáforo da avenida Brasil com Cyrilo Neves, nas
proximidades da sede do governo, no bairro Compensa, estava apagado. Os
motoristas que trefegavam pela via estavam desorientados. Agentes do
Manaustrans foram encaminhados para o local.
Em
Presidente Figueiredo (a 115 Km de distância da capital), a forte chuva deixou
a frente da cidade totalmente alagada. A situação causou prejuízos aos
comerciantes que tem estabelecimentos no local. Também foram registradas quedas
de árvores que deixaram algumas vias do município interditadas.